Auxiliares de limpeza estão pagando para trabalhar e nem sabem onde!

nenhum direitoEleito com a promessa de abrir concursos públicos em todas as áreas, o prefeito de São Bernardo, mais uma vez, se contradiz e aprofunda a entrega do patrimônio e do dinheiro público à iniciativa privada.

Os auxiliares de limpeza e demais trabalhadores do apoio continuam sendo vítimas preferenciais do governo. Agora, com o anúncio de que praticamente todas as escolas terão os serviços de limpeza terceirizados, os trabalhadores públicos sequer sabem para onde serão destinados.

Para piorar, muitos estão tendo que pagar para trabalhar! O reajuste de 5%, como já dito pelo SINDSERV, insuficiente e desrespeitoso, fez com que vários trabalhadores passassem a um novo patamar de referência salarial, o que fez com que os descontos no auxílio alimentação aumentassem. Moral da história: enquanto o prefeito "solta fogos" dizendo que deu "aumento", nós temos um grande número de trabalhadores ganhando menos!

Exigimos a imediata retomada da Mesa Permanente de Negociações, o fim das terceirizações, convocação de concursos públicos e o atendimento integral de nossa Pauta de Reivindicações.

Pesquise