SINDSERV participa de seminário sobre os desafios do trabalhador público

b7bdf6e3-bd86-4d34-9218-e5ac84f715b2

Nos dias 9, 10 e 11 de abril, diretores do SINDSERV participaram do seminário Internacional "O futuro do mundo do trabalho e os desafios para os trabalhadores do setor público", realizado pelo CONTRAM ISP AMERICAS. (Confederación de Trabajadores y Trabajadoras Municipales de la. Internacional de los Servicios Públicos en las Américas), na capital paulista.

Para o SINDSERV, as dificuldades que os trabalhadores públicos enfrentam aumentam, cada dia mais, com as terceirizações, com a falta de reconhecimento profissional do setor, com a precariedade dos locais de serviço, com a Reforma Trabalhista e da Previdência, com a Emenda Constitucional de número 95, que desmotivam e desvalorizam o trabalho do servidor público.

Aqui no Brasil, o percentual de servidores está abaixo de muitos outros países, mesmo assim, o neoliberalismo diz que existe um excesso de servidores, porém, o percentual de trabalhadores no serviço público nas três esferas não chega a 6% do total da população brasileira.

Segundo o Dieese, o Brasil possui cerca de 10,4 milhões de servidores públicos civis ativos e sua maior parte é constituída de servidores municipais, quase 6,5 milhões (62,4%), seguida de 3,2 milhões de servidores estaduais (30,8%). (IBGE,2015)

O encontro, que aconteceu na sede do SINDSEP (Sindicato dos Servidores Municipais de São Paulo), contou com a presença de representantes dos países Argentina, Áustria, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, Honduras, Nicarágua, Paraguai e Venezuela, foram expostos os problemas que acontecem pelas Américas.

86ea26c7-ac68-41c8-bba3-a9d476d396ff

Norte 9,5%; Nordeste 32,7%; Centro Oeste 8,7%; Sudeste 35,8%; Sul 13,8%

Pesquise