Sindicato quer debater atendimento total à Pauta de Reivindicações

campanha

No dia 15 de fevereiro, a categoria aprovou a Pauta de Reivindicações da Campanha Salarial 2018, que foi apresentada no dia seguinte à Administração. Dos 13 pontos, apenas dois foram cumpridos: o item 09, que amplia a Licença Paternidade, de 5 para 20 dias, e o item 10, com a recente convocação de concurso público. O item 01 foi parcialmente atendido, quando foi aprovada a proposta de reposição da inflação 2017-2018, mais aumento de 1%. Neste ponto, reivindicamos 10,57% de aumento, sendo reposição de perdas acumuladas desde março de 2016, 7,79% pelo IPCA, e aumento real correspondente ao crescimento da receita corrente líquida prevista no orçamento de 2018, de 2,78%.

Desta forma, podemos dizer que ainda há dez pontos e meio da pauta que precisam ser discutidos entre a Administração e o Sindicato. Pontos de uma decisão coletiva da categoria, cuja construção foi embasada por critérios técnicos. A presidente Marlene Matias reforça o aspecto responsável da pauta: “Quem analisar nossa Pauta vai testemunhar a seriedade do SINDSERV, que planejou, estudou e contou com a assessoria do DIEESE em sua elaboração. É o básico para que se comece a fazer justiça a cada um de nós, pela importância do nosso trabalho. É por isso que faço um apelo ao diálogo e à negociação. A Administração precisa compreender que somos nós, servidoras e servidores, os responsáveis pela execução de seus projetos. Por isso, o mínimo que podemos esperar é o diálogo franco”, defendeu Marlene.

Pesquise